segunda-feira, 12 de junho de 2017

Não sabia como começar a escrever, pois desde ontem meus pensamento não conseguiram tomar uma forma exata: eles giraram em torno de lembranças muito boas e de coisas as quais nunca vou esquecer. Não, não estou falando dessas paixões passageiras e muito menos de colegas e pessoas que passam pela nossa vida sem deixar nenhuma marca. 
Estou falando de amor.
De amizade verdadeira.
Estou falando de coisas verdadeiras, viscerais, coisas que nunca se esgotam.
Falo de uma coisa que trago no coração há anos e que nunca vou apagar.
Seria engano as pessoas acharem que o amor se constrói apenas com momentos bons
às vezes é necessário muita tempestade para se ter certeza que, mesmo assim, ainda queremos estar ao lado de alguém e que esse alguém merece todos os seus esforços.
E não estou falando de paixões corriqueiras e estúpidas.
Estou falando de amizade.
Algo divino.